Contas não verificadas da Bitstamp podem ser confiscadas

A Bitstamp anunciou hoje que usuários com contas não verificadas nos próximos 28 dias poderão ser confiscadas e terão o saldo retido.

Sendo uma das maiores exchange Bitcoin, a Bitstamp disse que a falha na verificação da conta é contra os Termos de Serviço da empresa e sofrerá penalidades.

Porém eles adicionaram algumas explicações, sugerindo que a regra seria para aquelas contas inativas há mais de um ano. Em 4 de Setembro de 2013, a Bitstamp já dizia que “em breve” as transações Bitcoin só estariam disponíveis para usuários autenticados.

A causa da determinação pode ser a lei Anti Money Laundering (AML), Anti Lavagem de Dinheiro, e a Know Your Customer (KYC), Conheça o Seu Cliente. Regras do Reino Unido. A empresa é registrada no Reino Unido e foi fundada na Eslovênia.

Eles ainda forneceram mais detalhes, dizendo que as contas, e os fundos das contas retidas, seriam transferidas para autoridades do governo, que determinariam o destino dos fundos.

A Bitstamp acredita que um mês de notificação antecipada é suficiente para os clientes não verificados regularizarem a situação, e que “somente alguns poucos” poderão ser penalizados.


SOEE660332GBPR 728x90