Governo Americano encerra atividades Bitcoin da Butterfly Labs

A empresa fabricante de equipamentos para mineração Bitcoin, Butterfly Labs, está sendo encerrada pela FTC (Federal Trade Comission) nos Estados Unidos. A FTC acusa a empresa de fraude e falsidade ideológica pública.

No dia 18 de Setembro, a agência teve autorização do Tribunal Distrital dos EUA para o Distrito Ocidental do Missouri, para congelar os ativos da Butterfly Labs e encerrar o julgamento pendente.

O ato acontece meses após alguns clientes enviarem reclamações à agência federal, um processo que produziu aproximadamente 300 denúncias acusando a empresar de atrasar envios e não pagar restituições das entregas não cumpridas.

Jessica Rich, diretora do Bureau de Proteção ao Consumidor da FTC, disse que o foco agora é a restituição aos clientes da empresa:

“Muitas vezes vemos que, quando uma oportunidade nova e pouco conhecida como o Bitcoin se apresenta, scammers encontram formas de capitalizar com a empolgação e interesse público. Estamos satisfeitos pelo tribunal garantir o nosso pedido para interromper esta operação, e estamos ansiosos para colocar os ganhos ilícitos da empresa de volta nas mãos dos consumidores”.

O caso apresentado à FTC, centrou-se principalmente na obstrução continuada da Butterfly Labs aos clientes que não receberam os produtos de mineração, dizendo que já haviam sido enviados.

Observou-se que, durante os 2 últimos anos, a Butterfly falhou consistentemente em fornecer produtos ou serviços que haviam sido pagos antecipadamente, incluindo contratos do serviço de mineração em nuvem da empresa.

Ainda segundo a agência, a empresa violou a Lei da FTC, que trata de “práticas comerciais desleais ou enganosas ou afetando o comércio”. A FTC disse que, em seus discursos de vendas diretas e em materias de publicidade, a empresa enganou os consumidores em sua capacidade de fornecer um serviço legítimo.

A agência escreveu em sua apresentação, que estas ações constituem uma ameaça para a segurança dos consumidores, justificando o encerramento da empresa e a apreensão de seus bens.

“Os consumidores sofreram e continuarão a sofrer um prejuízo grave, como resultado de violações da Lei da FTC. Além disso, os réus enriqueceram sem causa, como resultado de seus atos ou práticas ilícitas”.

A agência pediu que a Butterfly Labs seja liquidada e tenha suas operações suspensas, cessando todas as atividades.

*E isso explica a baixa da moeda nos últimos dias.. Será? Deixe seu comentário.


SOEE660332GBPR 728x90