Upgrade do Roundcube Webmail pelo Backports

Neste tutorial mostrarei como fazer upgrade de programas Linux Debian usando o repositório backports. Aplicaremos um exemplo prático que será o upgrade do Roundcube Webmail para a última versão disponível naquele repositório.

Backports: são pacotes (packages) selecionados da próxima versão do Debian, também chamados de “Testing” ou “Unstable”. Eles são ajustados e recompilados para serem usados na versão estável (Stable) do sistema. Em teoria, poderíamos usar qualquer pacote de programas disponível no backports sem alto risco de segurança ou instabilidade, pois, diferentemente dos repositórios Unstable e Testing, o que está no repositório foi selecionado e adaptado como eu disse. Porém, mesmo assim, devemos ter algum cuidado com incompatibilidades com outros programas, explicarei abaixo como proceder de maneira segura.

* Faremos um upgrade do Roundcube disponível no Debian 7 Stable, e que instalamos neste tutorial. O Debian é um S.O. Linux que tem como pontos fortes estabilidade e segurança, que são características para agradar qualquer bom administrador de sistemas, portanto, note que, a maioria dos pacotes de aplicativos disponíveis geralmente não são os mais novos, mesmo aqueles do repositório backports.

Upgrade do Roundcube Webmail usando o repositório Debian Backports

* Este tutorial foi testado em nosso servidor Debian 7 com ISPConfig 3 e Postfix, clique aqui e veja como instalar.

Prepare o sistema para baixar pacotes do backports

A Faça um backup do servidor: Se estiver usando um servidor em produção é muito importante criar um backup ou snapshot (clique aqui para aprender como fazer) para que, se algo der errado, ter uma cópia de segurança para restaurar.

B Adicione o repositório backports ao sources: Crie o seguinte arquivo  /etc/apt/sources.list.d/wheezy-backports.list com o seguiinte comando:

> echo deb http://mirrors.digitalocean.com/debian wheezy-backports main > /etc/apt/sources.list.d/wheezy-backports.list

C Atualize o cache local de pacotes:

> apt-get update

D Verifique a versão do pacote: Use o comando apt-cache para exibir a versão instalada e a disponível no repositório:

> apt-cache policy roundcube

Em nosso Debian 7 padrão a saída do comando acima é:

Installed: 0.7.2
Version table: 0.9.5-1~bpo70+1

Versão instalada 0.7.2, disponível 0.9.5 bpo70 (que significa backports para o Debian 7).

* Se o comando não mostrou a versão instalada clique aqui e veja como instalar. Lembre-se que estamos somente fazendo uma atualização.

* Note que no repositório oficial existe outras atualizações, e que para o Debian 8 poderíamos fazer upgrade para a versão 1.1.2 pelo backports (1.1.2~bpo80).

Uma lista das versões disponíveis do Roundcube para o Debian pode ser acessada neste link:

http://ftp.debian.org/debian/pool/main/r/roundcube/

2 Atualize o Roundcube e reconfigure os arquivos

A Instale a nova versão:

Note que usaremos a opção “-t wheezy-backports“. Para instalar um pacote do backports sempre teremos que definir o repositório com o -t (target), não havendo perigo de, numa instalação de outro programa, o instalador usar o backports automaticamente.

*Somente use esse repositório seletivamente como estamos fazendo, lembre-se que nem tudo o que está lá é seguro e estável.

> apt-get install -t wheezy-backports roundcube

* Responda as perguntas da seguinte maneira:

» Deseja continuar? tecle: <-- ENTER

» Perform upgrade on database for roundcube with dbconfig-common?: <-- <Yes>

» Password of the database's administrative user: <-- Digite a senha de administrador do MySQL

» Se aparecer uma última pergunta sobre as modificações do arquivo main.inc.php responda: <-- <install the package maintainer's version> (use as teclas de navegação para selecionar a primeira opção e tecle ENTER)

B Reconfigure o Roundcube: Após executar o instalador acima mandamos sobrescrever o arquivo de configuração (última pergunta). Temos que editá-lo e alterar as seguintes linhas:

Arquivo: /etc/roundcube/main.inc.php

Linha 78: Altere este parâmetro ou no login do RoundCube irá solicitar o "Nome do Servidor" no formulário de login
$rcmail_config['default_host'] = 'localhost';

Linha 146: Se este parâmetro for nulo o Roundcube enviará os emails usando a função Mail() do PHP, substituindo por localhost o cabeçalho da mensagem será preenchido corretamente evitando que o seu email enviado pelo Roundcube seja marcado como SPAM 
$rcmail_config['smtp_server'] = 'localhost';

Linha 414: (no tutorial anterior configuramos os plugins para o ISPConfig 3 nesta linha, é necessário adicioná-los novamente):
$rcmail_config['plugins'] = array("jqueryui", "ispconfig3_account", "ispconfig3_autoreply", "ispconfig3_pass", "ispconfig3_spam", "ispconfig3_fetchmail", "ispconfig3_filter");

Linha 730: (não há necessidade de alterá-la. No tutorial de Roundcube usávamos a skin classic, após a atualização podemos deixar como está):
$rcmail_config['skin'] = 'larry';

É só isso. Não precisa reiniciar nada. Acesse a nova versão e veja como ficou.

NOTAS:

Use o backports com cuidado e sempre faça backup/snapshot do servidor antes de se aventurar com instaladores. De preferência configure um VPS somente para testes como eu faço. Na DigitalOcean você paga por hora, então pode-se executar os testes e desativar o servidor pagando somente as horas de uso.

Atualizando o Roundcube pelo método acima irá consertá-lo caso você tenha seguido um certo tutorial em inglês que ensina a instalar o Native Driver do MySQL.

Para instalar uma versão mais atual do Roundcube com segurança o correto é fazê-lo no Debian 8. Eu sei que estou devendo o tutorial novo (que já entrou em fase de testes).

Gestão em infraestrutura de Servidores Cloud VPS e Dedicados. Planos mensais acessíveis e consultoria diferenciada para agências de marketing.
Envie um email para [email protected] e solicite uma análise gratuita!